Agronegócios
01/09/2021 08:42

Carne suína: exportações brasileiras devem crescer 6,8% em 2022, diz adido do USDA


São Paulo, 01/09/2021 - O Brasil deve exportar 1,41 milhão de toneladas equivalente carcaça de carne suína em 2022, um aumento de 6,8% ante 2021, de acordo com o adido do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) em Brasília. Para 2021, a expectativa é de aumento de 12%, para 1,32 milhão de toneladas. Segundo o adido, apesar dos esforços da China para recompor seu plantel de suínos após surtos de peste suína africana em 2018, a persistência da doença manteve a demanda chinesa alta.

A produção deve aumentar 3,5% em 2022, para 4,477 milhões de toneladas. Para 2021, o adido estima um aumento de 5%, para 4,325 milhões de toneladas.

A previsão para o consumo doméstico em 2022 é de 3,07 milhões de toneladas, aumento de 2% na comparação anual. Em 2021, o consumo também deve crescer 2%, para 3,01 milhões de toneladas. As projeções são baseadas na expectativa de recuperação econômica, embora ela deva ser mais lenta do que se esperava inicialmente, disse o adido. Os preços cada vez mais altos da carne bovina também devem estimular o consumo de carne suína, afirmou.
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Agro e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2022 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Siga nossas redes: