Releases
04/07/2018 09:50

Montadoras, autopeças e motocicletas retomam o crescimento, e são oportunidades de empregabilidade


São Paulo SP Brasil--(DINO - 04 jul, 2018) - A indústria de autopeças tem apresentado bom desempenho desde o início deste ano, comparativamente ao período de 2017, que compreende os meses entre janeiro e abril, o que reforça o cenário de recuperação do setor de autopeças no Brasil. Este cenário reflete o bom desempenho que tem sido observado na indústria automobilística.

De acordo com o Sindicato Nacional da Indústria de Componentes Automotivos (Sindipeças), o faturamento nominal do setor, sem ajuste sazonal, apresentou, nos quatro primeiros meses do ano, crescimento de 26,2% em comparação ao mesmo período de 2017. Dois fatores foram importantes para esse cenário positivo: o primeiro relaciona-se à alta de 20,7% da produção e vendas de veículos das montadoras no período, o qual paralelamente houve aumento do faturamento da indústria de autopeças em 26,9% para este seguimento.

O segundo fator pode ser verificado pelo impulso às exportações do setor estimulado pela desvalorização da moeda brasileira, o que fez as exportações avançarem 35,2%; contudo, vale ressaltar que a Argentina vem sendo a principal parceira do setor automotivo brasileiro, de acordo com os dados da SINDIPEÇAS, e poderá provocar retração das exportações para o país dado o advento da crise financeira e cambial no país. Por outro lado, a desvalorização esperada do real frente ao dólar oferece estímulos para que as vendas para outros países da América Latina, assim como da Europa e para os Estados Unidos, avancem.

Assim, diante de um cenário positivo deste ano, a United HR, empresa de recolocação de executivos, continua estimando crescimento da produção e das vendas do setor de autopeças, assim como na continuidade do aumento do faturamento do setor advindo das exportações.

Os primeiro quarter de 2018 foi positivos para a indústria de motocicletas, de acordo com os dados da Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares - Abraciclo. Neste período, houve aumento de 12,2% na produção, sendo 259.537 unidades produzidas entre janeiro e março, em relação ao mesmo período de 2017.

De acordo com a associação, a retomada de crescimento da produção iniciou no segundo semestre de 2017, a qual manteve-se em março deste ano que apresentou um aumento de 14,8% em relação ao mesmo mês de 2017. O resultado positivo do trimestre condiz com o aumento das vendas no atacado, as quais somaram 87,2 mil motos, aumento de 16,6% somente no mês de março comparativamente ao mês anterior e aumento de 8,5% na comparação anual.

No setor externo, as exportações representaram um crescimento expressivo no primeiro bimestre do ano, em que foram enviados para outros países 15.300 motocicletas, alta de 35,3% em comparação ao mesmo bimestre de 2017, sendo os principais países Argentina e Estados Unidos.

Assim, a partir deste cenário positivo, a United HR prevê bom desempenho do setor para o ano de 2018, com crescimento em 6% na produção, de 4% nas vendas do atacado assim como nas exportações, sendo oportunidade empregabilidade para executivos da área de comércio exterior e logística

A indústria automobilística tem acompanhado a retomada da atividade econômica do país, principalmente pelos anúncios de investimentos por diversas montadoras, além da oferta de novas vagas de emprego e pelo aumento do crédito. Recentemente, a Volkswagen anunciou investimentos de R$ 7 bilhões até 2020, com foco no desenvolvimento e lançamento de 20 novos produtos. A General Motors também tem investido no desenvolvimento de novos produtos, em especial nos complexos de Gravataí (RS), São Caetano do Sul (SP) e Joinville (SC). Já a Toyota anunciou a instalação de uma linha de montagem para a produção de um novo modelo. Este mercado demitiu milhares de executivos do setor nos últimos anos.

No mercado de trabalho, entre os meses de janeiro e junho a Mercedes-Benz contratou 272 funcionários somente para a fábrica em São Bernardo do Campo (SP) e 80 para a fábrica do município de Juiz de Fora (MG). Além dessas contratações, serão ofertadas para os próximos três meses mais de 330 vagas de trabalho para as duas fábricas. Agora é uma oportunidade de voltar ao mercado, afirma Marcio Pereira CEO Latam da United HR, empresa de recolocação de executivos.


Outro ponto importante é o aumento dos empréstimos realizados pelos bancos das montadoras, os quais tiveram alta de 10% no primeiro trimestre do ano, com um total de aproximadamente R$ 25 bilhões, de acordo com a Associação Nacional das Empresas Financeiras de Montadoras (Anef).

Website: http://www.unitedhr.co

Copyright © 2018 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos