Releases
22/01/2019 14:43

Em quais países é possível entrar sem visto?


(DINO - 22 jan, 2019) -
Segundo dados da Associação Brasileira das Operadoras de Turismo (Braztoa), em 2017 o número de brasileiros viajando para o exterior voltou a crescer, sendo 1,2 milhão de embarques. A busca por documentos, estoques de moeda estrangeira, formulários e entrevistas certamente fizeram parte de sua rotina se você precisou de um visto para o exterior.

Nós brasileiros temos carta branca em diversas partes do mundo. Para ser mais específico, 132 países permitem a entrada de brasileiros sem visto. Veja quais são ele e já comece a sonhar com sua próxima viagem internacional.

 Mercosul – Entrada apenas com RG

A aliança entre os países da América do Sul garante não apenas vantagens comerciais. Mas, para os turistas brasileiros, é possível portando apenas a carteira de identidade. Pois existe uma garantia de livre acesso aos países parceiros.

São poucas as condições: o documento deve estar em bom estado, mas a data de emissão de ser inferior a 10 anos e não pode ser carteira de motorista.

Se você não se lembra das aulas de Geografia da tia Letícia lá no fundamental, não precisa ir ao Google, pois aqui a gente repassa a lista de países do Mercosul.

  • Argentina;
  • Equador;
  • Bolívia;
  • Chile;
  • Equador;
  • Paraguai;
  • Peru;
  • Uruguai;
  • Venezuela.

Entra sem visto, permanece por até 90 dias apenas com passaporte

Essa é a lista mais extensa do nosso texto, pois inclui países que possuem acordo com o Brasil para entrada sem visto. Além do período pode variar entre 30 e 90 dias a depender do tratado internacional.

Para acessá-los você precisa apenas de uma página para carimbo no passaporte e 6 meses de validade. Mas, para evitar qualquer dor de cabeça ao chegar em seu destino, o ideal é que você tenha em mãos sua carta convite, ou comprovante de reserva em hotel.

  • Albânia;
  • Andorra;
  • Antigua e Barbuda;
  • Armênia;
  • Áustria;
  • Bahamas;
  • Barbados;
  • Bélgica;
  • Belize;
  • Bosnia e Herzegovina;
  • Botswana;
  • Bulgária;
  • Costa Rica;
  • Croácia;
  • Chipre;
  • Republica;
  • Tcheca;
  • Dinamarca;
  • Dominica;
  • Republica Dominicana;
  • El Salvador;
  • Estônia;
  • Fiji;
  • Finlândia;
  • França;
  • Georgia;
  • Alemanha;
  • Grécia;
  • Granada;
  • Guatemala;
  • Guiana;
  • Haiti;
  • Honduras;
  • Hungria;
  • Islândia;
  • Indonésia;
  • Irlanda;
  • Israel;
  • Italia;
  • Jamaica;
  • Korea do Sul;
  • Latvia;
  • Liechtenstein;
  • Lituânia;
  • Luxemburgo;
  • Macedônia;
  • Malásia;
  • Malta;
  • Mauritius;
  • México;
  • Micronésia;
  • Mônaco;
  • Mongólia;
  • Montenegro;
  • Marrocos;
  • Namíbia;
  • Holanda;
  • Nova Zelândia;
  • Nicarágua;
  • Noruega;
  • Panamá;
  • Filipinas;
  • Polônia;
  • Portugal;
  • Romênia;
  • Russia;
  • Saint Cristóvão e Neves;
  • Santa Lúcia;
  • São Vicente e Granadinas;
  • San Marino;
  • São Tomé e Príncipe;
  • Sérvia;
  • Singapura;
  • Eslováquia;
  • Eslovênia;
  • África do Sul;
  • Espanha;
  • Suriname;
  • Suazilândia;
  • Suécia;
  • Suíça;
  • Tailândia;
  • Trinidad e Tobago;
  • Tunísia, Turquia;
  • Ucrânia;
  • Vanuatu;
  • Vaticano.

Talvez você até precise tirar o visto, mas vai ser muito mais simples

A lista de países a baixo permite a emissão de um Visto Express. Porém, há necessidade de uma breve entrevista, a comprovação do motivo da visita e o pagamento de uma taxa, já pode haver o acesso.

Em regra o processo vai ser bem simples, além de que em poucos minutos você receberá seu visto, mas não custa consultar o consulado sobre documentos adicionais.

  • Bahrain;
  • Bielorrússia;
  • Burkina Faso;
  • Burundi;
  • Cambodia;
  • Cabo Verde;
  • Comoros;
  • Djibouti;
  • Egito;
  • Etiópia;
  • Guiné-Bissau;
  • Irã;
  • Jordânia;
  • Quirguistão;
  • Laos;
  • Líbano;
  • Madagascar;
  • Malawi;
  • Maldivas;
  • Ilhas Marshall;
  • Mauritânia;
  • Nepal;
  • Oman;
  • Palau;
  • Papua Nova Guiné;
  • Somália;
  • Tajiquistão;
  • Tanzânia;
  • Timor-Leste;
  • Togo;
  • Tonga;
  • Tuvalu;
  • Uganda;
  • Zâmbia;
  • Zimbabwe.
Viaje com empresas que emitem com milhas

Em crescimento no mercado, empresas que emitem passagens aéreas com milhas prometem ofertar passagens aéreas mais baratas do que as cias aéreas, como é o caso da P2P Milhas. Caso queira conhecer mais, clique aqui.



Website: http://www.p2pmilhas.com.br

Copyright © 2019 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos