Agronegócios
14/08/2019 18:44

Biosev tem prejuízo de R$ 168,894 Mi no 1tri20, queda de 66,7% sobre 1tri19


Por: Gustavo Porto

Ribeirão Preto, 14/8/2019 - A Biosev, braço sucroenergético do Grupo Louis Dreyfus, reportou prejuízo líquido de R$ 168,894 milhões no primeiro trimestre do ano-safra 2019/2020 (1T20), entre abril e junho deste ano. O resultado representa queda de 66,7% ante os R$ 506,462 milhões de prejuízo de igual período do ciclo anterior.

A receita líquida da companhia (ex-HACC) recuou 10,3% na mesma base de comparação trimestral, de R$ 1,916 bilhão para R$ 1,718 bilhão. O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado ex-revenda/HACC totalizou R$ 339,097 milhões no 1T20, alta de 38,4% sobre igual período da safra passada, de R$ 245,021 milhões.

A dívida líquida em 30 de junho deste ano era de R$ 5,393 bilhões, 8,6% maior em comparação com os R$ 4,966 bilhões de igual data de 2018. Segundo a companhia, 86,7% da dívida são em dólar. A alavancagem medida pela relação entre dívida líquida e Ebitda da Biosev cresceu de 2,9 vezes para 3,2 vezes entre os trimestres na comparação anual.

A Biosev investiu um total de R$ 278,807 milhões no 1T20, 39,7% a mais que em igual período da safra passada. Do capex total, R$ 235,204 milhões foram investidos nas operações, alta de 39,8% na mesma base de comparação trimestral. A companhia realiza teleconferência amanhã, às 12 horas para detalhar os resultados.

Contato: gustavo.porto@estadao.com
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Agro e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2019 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos