Agronegócios
09/08/2019 16:31

Café/Cecafé: exportação cresce 28,2% em Jul/19 ante Jul/18, para 3,2 milhões de sacas


Por Augusto Decker

São Paulo, 09/08/2019 - As exportações totais de café do Brasil - verde, solúvel e torrado&moído - chegaram a 3,2 milhões de sacas de 60 quilos em julho de 2019, avanço de 28,2% em relação a igual mês do ano anterior, informou o Conselho dos Exportadores de Café do Brasil (Cecafé). Trata-se do maior volume embarcado em mês de julho nos últimos cinco anos. A receita cambial para o mês foi de US$ 378,2 milhões, alta de 5,1% na comparação anual. O preço médio da saca de café caiu 18% no período, para US$ 119,70. Do total exportado no mês, 71,4% (2,3 milhões de sacas) eram de café arábica; 18,2% (575 mil sacas), de conilon (robusta); e 10,3% (326,8 mil sacas) de solúvel.

No acumulado dos sete primeiros meses do ano, as exportações também foram as maiores dos últimos cinco anos, chegando a 23,5 milhões de sacas, alta de 37,6%. A receita cambial cresceu 11% no período, para US$ 2,9 bilhões. O principal destino foram os Estados Unidos, com 4,4 milhões de sacas (18,7% do total exportado), crescimento de 49,6% em relação a um ano antes. Em seguida, vieram Alemanha (3,9 milhões de sacas, 16,7% de participação), Itália (2,1 milhões de sacas, 9% do total) e Japão (1,7 milhão de sacas, 7,3% do total).

Nos últimos doze meses - entre agosto de 2018 e julho de 2019 -, o volume exportado foi recorde histórico para o período: 42,1 milhões de sacas. "Os volumes exportados em julho mostram que o Brasil mantém um ritmo positivo e trabalhando o embarque de cafés sustentáveis com eficiência e qualidade", disse, em nota, o presidente do Cecafé, Nelson Carvalhaes. "A colheita referente a 19/20 está praticamente finalizada e tudo indica que manteremos bons resultados até o fechamento do ano civil."

A exportação de cafés diferenciados cresceu 58,8% em volume nos sete primeiros meses do ano, chegando a 4,5 milhões de sacas, ou 19,1% do total embarcado no período. A receita cambial foi de US$ 700,3 milhões, ou 23,9% da receita total.

Em 2019, até o fim de julho, 77,8% das exportações de café - ou 18,3 milhões de sacas - partiram do Porto de Santos.

Contato: augusto.decker@estadao.com
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Agro e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2019 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos