Agronegócios
19/11/2021 09:42

Café: produtor do Cerrado Mineiro vence concurso 2021 de grãos especiais da BSCA


São Paulo, 19/11/2021 - O café do produtor Vitor Marcelo de Queiroz Barbosa, da Fazenda Cachoeira, em Carmo do Paranaíba, na Denominação de Origem Região do Cerrado Mineiro, que recebeu 90,50 pontos do júri internacional, na escala de zero a 100 da competição, foi eleito o melhor grão especial do Brasil na safra 2021. O concurso Cup of Excellence - Brazil 2021, cujo resultado foi divulgado ontem (18), é promovido Associação Brasileira de Cafés Especiais (BSCA), em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) e a Alliance for Coffee Excellence (ACE).

A amostra inscrita por Luiz Paulo Dias Pereira e Outros, produzida na Fazenda do I.P., em Carmo de Minas, na Denominação de Origem Mantiqueira de Minas, veio na sequência, com 90,14 pontos, e, junto com o campeão, foram considerados "cafés presidenciais" do Cup of Excellence - Brazil 2021.

No total, o concurso teve 29 vencedores - amostras que obtiveram nota igual ou superior a 87 pontos na Fase Internacional -, oriundos de sete origens produtoras do país: Chapada Diamantina (BA), Indicação de Procedência Matas de Minas, Média Mogiana (SP), Montanhas do Espírito Santo, Sul de Minas, além das Denominações de Origem Região do Cerrado Mineiro e Mantiqueira de Minas.

Também foram eleitos nove "Campeões Nacionais", que receberam notas entre 86,00 e 86,99 pontos. Esses cafés são originários da Indicação de Procedência Alta Mogiana (SP), Chapada Diamantina (BA), Denominação de Origem Mantiqueira de Minas, Indicação de Procedência Matas de Minas e Montanhas do Espírito Santo. O resultado completo pode ser acessado no site da BSCA: https://bit.ly/3odx6zk.

Próximas etapas - Os 29 vencedores ganharam o direito de participar de um leilão, via internet, no dia 20 de dezembro. Nesse pregão, os principais compradores do mundo disputarão os melhores cafés brasileiros da safra 2021 e os valores alcançados são bem superiores ao mercado convencional. O preço de abertura de cada lote é de US$ 5,50 por libra-peso, o que equivale a cerca de *R$ 4.020 por saca de 60 kg (dólar a R$ 5,524, conforme fechamento de 17 de novembro de 2021).

O concurso também colocará à venda os Campeões Nacionais, entre os dias 10 e 21 de dezembro, ao preço de abertura de US$ 4,50 por lb-peso, ou aproximadamente R$ 3.290 por saca.

Esta edição inovou, ainda, ao aumentar a possibilidade de negociação. Além dos vencedores e campeões nacionais, as 37 amostras seguintes na classificação, que obtiveram nota igual ou maior que 86 pontos na Fase Nacional, foram denominadas Brazil Select e estão à venda, desde 21 de outubro - até 5 de dezembro -, em um marketplace desenvolvido pela empresa MCultivo, ao valor de US$ 4,20 por libra-peso (*R$ 3.070 por saca).
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Agro e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2022 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Siga nossas redes: