Releases
22/01/2019 13:55

Mercado pulverizado é oportunidade para pequenas e médias empresas


São Paulo, SP--(DINO - 22 jan, 2019) -
Um mercado que não sente a crise e mantém uma taxa de crescimento média de 14% nos últimos anos, está cheio de tubarões buscando uma fatia do bolo. 75% do marketshare é dominado por pequenas empresas, o que deixa claro o volume de oportunidades existentes no segmento. O que também mostra uma alta complexidade na criação de estratégias para combater concorrentes ou otimizar os esforços para centralizar a rentabilidade sem aumento do custo operacional.

 

O estudo do II Dimensionamento Econômico da Indústria de Eventos no Brasil, realizado pela Associação Brasileira de Empresas de Eventos (Abeoc) e pelo Sebrae Nacional, tem como objetivo principal quantificar a participação da indústria de eventos no PIB do Brasil, também revela a perda de espaço dos meios tradicionais de comunicação e o avanço da internet como veículo de divulgação dos eventos. Os sites são os principais meios, com 84,4% de utilização, seguido das redes sociais (66,5%), do e-mail marketing (46,6%). Os jornais e o rádio, por exemplo, aparecem com percentuais de 24,8% e 18,2%, respectivamente.

 

Com o aquecimento da economia prevista para 2019, o crescimento deve superar os 14% que manteve de média durante os períodos de crise. Os setores que deverão se destacar são as ações em encontros, reuniões e fóruns: saúde e indústrias farmacêuticas (35%); comunicação e marketing (29%); varejo (21%); e tecnologia (14%).

 

A pesquisa feita pela Amcham, mostrou que a principal tendência no setor será a realização de eventos baseados na interatividade entre marcas e público-alvo – com ampliação do uso de aplicativos e tecnologia, o que possibilita a interação entre convidados, palestrantes e realizadores. Os empresários entrevistados na pesquisa, mencionaram formatos como minieventos (19%), com foco em workshops, confraternização, lançamentos de produto, entre outros; e onlines (19%), com engajamento e divulgação nas redes sociais, além de um uso intenso de personalidades e influenciadores digitais.

 

De olho nesse crescimento, Carlos e Sandra Pitta, sócios de um dos maiores salões de beleza do mundo, destinaram parte dos seus esforços para oferecer benefícios aos seus clientes. A Casa Miracolli conta com 2.500 metros quadrados de espaço sofisticado, localizada na área mais nobre da capital paulista na rua Colômbia - Jardins. A estratégia é aproveitar a estrutura da Casa para engajar clientes e prospects com eventos sociais e corporativos, e ao mesmo tempo, divulgar os serviços de estética feminino e masculinos premium oferecidos pelo salão. Só em 2018, diversas empresas ganharam o benefício e os eventos foram distribuídos entre lançamentos de marcas e produtos, shows e festas sociais. Em 2019 o objetivo é aumentar o número de clientes em pelo menos 30%, explorando a estratégia de divulgação - diz Sandra Pitta.

 

“Com estratégias de comunicação on e offline, iremos levar a mensagem para o público corporativo e mostrar as vantagens que os stakeholders terão ao contratar os nossos serviços de estética, e ao final terem um espaço mágico para realizar um evento de forma gratuita.” - Carlos Pitta


Website: http://casamiracolli.com.br

Copyright © 2019 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos