Releases
13/01/2023 16:44

Problemas financeiros do colaborador impactam a produtividade no trabalho


São Paulo, SP--(DINO - 13 jan, 2023) -
De acordo com um levantamento sobre o bem-estar do colaborador realizado pela empresa de consultoria corporativa PwC, 47% dos entrevistados tiveram questões de saúde mental em razão de problemas financeiros. 


A pesquisa mostrou que 43% desses colaboradores com problemas financeiros perderam três horas do seu horário de trabalho diariamente, pensando em maneiras de resolver sua vida financeira.


A educação financeira ainda não faz parte da rotina do brasileiro, e questões como essas podem trazer diversos problemas na vida pessoal e no ambiente de trabalho.


A Lexly, empresa que usa tecnologia para o Direito fez uma pesquisa com colaboradores de diversas empresas e constatou que dilemas financeiros ficaram em terceiro lugar no ranking de incidência de problemas jurídicos que afetam a saúde mental, com 29,3% dos entrevistados apontando esse tipo de dificuldade.


No Brasil o número de famílias endividadas chegou a 78,9% no final de 2022, um aumento de 3,3% em relação ao ano anterior, segundo a Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic).


Engana-se os que acreditam que a vida financeira do colaborador não afeta a produtividade no ambiente de trabalho, sendo que 42% dos trabalhadores brasileiros que possuem problemas em sua vida financeira apresentam maior dificuldade em realizar as suas atividades, de acordo com o estudo feito pela CNDL e SPC Brasil.


Estudos mostram que a produtividade de um funcionário está diretamente ligada com a saúde mental, segundo a Universidade de Warwick no Reino Unido, colaboradores mais felizes têm uma produtividade 12% maior do que os outros.


A Associação Brasileira de Educadores Financeiros (ABEFIN) fez uma pesquisa com 2000 colaboradores de todo o país, onde 16% afirma que somente o seu salário não é suficiente para pagar todas as contas.


Muitas vezes uma questão financeira acaba se tornando um problema jurídico e Michel Teixeira, advogado na Lexly afirma que 'é possível utilizar o Direito para resolver pendências financeiras'.


O profissional explica que, 'a melhor forma de resolver uma problema jurídico-financeiro é negociando com o credor e verificando condições válidas na lei para que o débito possa ser resolvido'.


Ele reitera que, 'é importante verificar quais são as taxas de juros e qual a mais adequada para a situação, os índices de reajuste e se possível, fazer um documento que reconheça a dívida, mas estabeleça as formas de pagamento e prazos. 


Segundo o economista João Gondim Neto da Real Cultura Financeira, 'é muito comum o profissional endividado sair da empresa para levantar verba rescisória', ou seja, empresas que têm colaboradores com problemas financeiros propendem a ter maior rotatividade.


Pensando nisso, a Lexly irá realizar mais uma edição do Lexly Talks com o tema: Vida Financeira do Colaborador - Principais Impactos e Implicações Jurídicas. O evento virtual vai contar com a presença da especialista em finanças Ana Maria Bacca e da advogada Nathalia Oliveira.


Serão abordados temas como absenteísmo, presenteísmo e como a saúde financeira do colaborador afeta na saúde mental e na produtividade da empresa.


O evento é gratuito e acontecerá no dia 24 de janeiro de 2023 às 10h15. As inscrições estão abertas através do link.



Website: http://WWW.LEXLY.COM.BR
A OESP nao e(sao) responsavel(is) por erros, incorrecoes, atrasos ou quaisquer decisoes tomadas por seus clientes com base nos Conteudos ora disponibilizados, bem como tais Conteudos nao representam a opiniao da OESP e sao de inteira responsabilidade da Dino Divulgador de Noticias Online Ltda

Copyright © 2024 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso