Releases
02/08/2018 16:33

Investimentos em startups continuam a crescer em 2018


(DINO - 02 ago, 2018) -
Durante o ano passado, o mundo das startups viu alguns investimentos maciços. Isso está sendo atribuído às enormes oportunidades desse mercado crescente. Mas, ainda assim, existem duas verdades fundamentais quando se comercializa uma startup: uma é que um ótimo produto, por si só, não é suficiente para ter sucesso, a outra é que nenhuma quantidade de marketing fará com que um produto ruim consiga um público em massa.

Por isso, as startups com setores internos mais preparados estão conseguindo mais investimentos que não são pequenos. Segundo o relatório da KPMG Pulse of Fintech, só nos primeiros seis meses de 2018, a aplicação global em tecnologia financeira avançou a um ritmo recorde no primeiro semestre de 2018, com US$ 57,9 bilhões investidos em 875 negócios, um aumento significativo em relação aos US$ 38,1 bilhões investidos em 2017.

O volume total de negócios foi robusto, subindo de 834 no segundo semestre de 2017 para 875 negócios no primeiro semestre de 2018. Além disso, o tamanho médio global dos financiamentos de risco em estágio final disparou para US$ 25 milhões durante o primeiro semestre de 2018.

A Freshworks, líder global em software de envolvimento de clientes, acompanha a tendência do mercado, e conseguiu um investimento de US$ 100 milhões em sua última rodada de financiamento, coliderada pela Accel e pela Sequoia, com a participação da CapitalG, elevando o total de capital da Freshworks para US$ 250 milhões. A infusão de caixa será usada para expandir ainda mais a expansão mundial da Freshworks, bem como o investimento contínuo em sua plataforma SaaS (sigla inglesa de software como serviço, em português) integrada.

"Quando começamos a Freshworks em 2010, éramos uma empresa de produto único com o objetivo de oferecer um software de atendimento ao cliente melhor e mais fácil de usar do que o mercado. Desde então, escalamos nossa empresa para US$ 100 milhões em vendas anuais recorrentes e construímos uma plataforma SaaS completa em que todos os nossos produtos - como Freshsales, Freshdesk e Freshservice - trabalham juntos sem exigir recursos de integração adicionais ou consultores para fazer com que o software simplesmente funcione", afirma Girish Mathrubootham, cofundador e CEO da Freshworks.

Desde a sua última rodada de investimentos, a Freshworks fez várias aquisições de tecnologia para fortalecer ainda mais suas ofertas de produtos. Várias dessas tecnologias foram apresentadas em seu recém-anunciado pacote de nuvem, o Freshworks 360, que reúne aplicativos de vendas, marketing e suporte para fornecer aos usuários uma experiência completa e fácil de usar com o cliente.

Com uma quantidade significativa de capital esperando para ser implantado, uma diversidade crescente de centros de fintechs em todo o mundo e cada vez mais empresas procurando esse tipo de empresas para impulsionar a inovação, espera-se que o investimento em tecnologia financeira permaneça forte rumo à segunda metade do ano.

Copyright © 2019 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos