Releases
11/07/2019 12:22

IBGE: ACSP esperava crescimento bem mais robusto do varejo em maio


São Paulo, 11 de julho de 2019. A Associação Comercial de São Paulo (ACSP) repercute a leve alta de 1% do varejo restrito nacional em maio, na comparação com igual mês de 2018, conforme divulgado hoje pelo IBGE. “Os dados são decepcionantes, abaixo das expectativas, primeiramente porque em maio de 2019 houve um dia útil a mais. Em segundo lugar porque a greve dos caminhoneiros de 2018 prejudicou o comércio, gerando uma base fraca de comparação. Por tudo isso, esperava-se um crescimento bem mais robusto”, diz Marcel Solimeo, economista da ACSP.



Ele chama atenção para a queda no segmento de supermercados (-1,2%), na variação anual, em função da greve dos caminhoneiros, que fez com que os consumidores fossem às compras e abastecessem alimentos em maio de 2018, gerando uma base forte de comparação. “Esse desempenho fraco do varejo em maio vem também do contexto geral da economia, que é de desaceleração. O desemprego ainda é muito alto e os salários começam a cair. Além disso, o crédito destinado à pessoa física é praticamente o mesmo do ano passado. Tudo isso deixa o consumidor cauteloso, fazendo com que ele compre cada vez menos”.

Copyright © 2019 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos