Política
09/09/2021 18:30

Após recuo de Bolsonaro, Temer e #BolsonaroArregou ficam entre temas mais comentados no Twitter


Por Matheus de Souza

São Paulo, 09/09/2021 - Após o encontro do presidente Jair Bolsonaro com o ex-presidente Michel Temer, que resultou no recuo do chefe do Executivo em seus ataques ao Supremo Tribunal Federal (STF), presidente virou alvo de piadas nas redes socais. No inicio desta noite, ficaram entre os assuntos mais comentados do Twitter menções a Temer, e a hashtag “BolsonaroArregou”.

Na maioria das publicações, internautas comentam a disparidade entre os discursos feitos pelo presidente no dia 7 de setembro, quando fez duras críticas aos membros do Supremo, e afirmou que não respeitaria mais decisões judiciais feitas pelo ministro Alexandre de Moraes, com a nota divulgada hoje. Com um texto que contou com a participação de Temer em sua produção, conforme afirmou o ex-presidente, Bolsonaro reiterou seus respeito às instituições da República e afirmou que suas críticas mais pesadas à Corte aconteciam no “calor do momento”.

A participação de Temer na articulação foi o que mais rendeu piadas entre os internautas. Nas redes, foram recuperadas imagens da posse do presidente Bolsonaro, quando Temer lhe passou a faixa presidencial. A imagem foi invertida, para Temer recuperar o assessório das mãos do atual chefe do Executivo. "Imagens exclusivas da reunião de Temer e Bolsonaro”, ironizaram.

Alexandre de Moraes também foi alvo de brincadeiras. Nas imagens, o ministro do Supremo foi exaltado como herói e ícone pop. A maioria das publicações com imagens do ministro foi acompanhada pela legenda “vigiar e punir”, em referência às decisões dele. Apesar de não realizar muitas manifestações públicas, Moraes ficou conhecido pelas decisões rápidas tomadas por ele no que diz respeito ao inquérito das fake news. Como relator do inquérito, Moraes acaba sempre entrando em rota de colisão com apoiadores mais ativos do presidente.

Contato: matheus.silva@estadao.com

Para saber mais sobre o Broadcast Político, entre em contato com comercial.ae@estadao.com
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Político e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2021 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos