Política
06/12/2019 19:07

Alcolumbre convoca sessão do Congresso na terça para votar vetos e créditos para ministérios


Por Daniel Weterman

Brasília, 06/12/2019 - O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), convocou sessão do Congresso Nacional na terça-feira, 10. Na pauta, a conclusão da análise de vetos do presidente Jair Bolsonaro e a votação uma lista de 24 projetos que garantem R$ 22,8 bilhões para ministérios ainda em 2019.

Entre os vetos, está o dispositivo que garante aos partidos políticos usarem recursos do fundo partidário para pagar multas eleitorais. Para a mesma sessão, Alcolumbre pautou a proposta que recupera itens vetados pelo Planalto na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

Conforme o Broadcast Político revelou, o projeto obriga o governo a pagar emendas indicadas pelas comissões da Câmara e do Senado e pelo relator-geral do Orçamento. Atualmente, apenas as emendas individuais dos deputados e senadores e as de bancada estadual são impositivas.

Com isso, o Planalto pode ser obrigado a desembolsar um total de R$ 23,4 bilhões para redutos eleitorais de congressistas em 2020, ano de eleições municipais. Sem esse projeto, ele teria de destinar um valor menor, de R$ 15,4 bilhões no ano que vem.

Segunda instância. A sessão do Congresso Nacional foi convocada para as 11 horas para o mesmo dia em que a presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, Simone Tebet (MDB-MS), agendou a votação do projeto que prevê a prisão após condenação em segunda instância. A proposta enfrenta resistência de Alcolumbre. A sessão da comissão está marcada para as 10 horas.

Simone Tebet quer votar o projeto antes da sessão do Congresso. A presidente do colegiado conta com movimentação da bancada lavajatista para concluir a análise da segunda instância, mas ainda conversa com líderes de partidos como MDB, PT, PSD e PP para garantir a votação. "Estamos muito firmes para fazer a votação na terça de manhã em qualquer circunstância. Se tiver que fazer uma reunião da CCJ de madrugada, faz", afirmou o líder do PSL no Senado, Major Olimpio (SP).

Contato: daniel.weterman@estadao.com
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast Político e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2021 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Inscreva-se!
Receba no seu email newsletters e informações sobre nossos produtos