Economia & Mercados
16/08/2021 09:31

BHP estuda vender unidade de petróleo avaliada em US$ 15 bilhões


A BHP informou que considera vender seus negócios na área de petróleo, um movimento que reduziria a exposição da empresa a combustíveis fósseis em meio à crescente pressão de investidores e de governos para que produtoras de matérias-primas cortem suas emissões de gás carbônico. A empresa afirmou que está em negociações com a Woodside Petroleum em torno de um potencial acordo que combinaria a unidade de petróleo da BHP com a companhia australiana de petróleo e gás natural.

A companhia também estuda outras opções para a divisão, como parte de uma revisão estratégica, informou a companhia sem fornecer detalhes.

Analistas estimam que o negócio de petróleo da BHP vale ao menos US$ 15 bilhões, e um acordo por ele é explorado ao mesmo tempo em que, separadamente, a BHP busca por um comprador para seu negócio de mineração de carvão térmico.

Vender a unidade de petróleo levaria a BHP a focar em commodities de mineração: minério de ferro, carvão metalúrgico, cobre, níquel e potencialmente potássio, caso a empresa prossiga com um grande projeto canadense. Entre essas commodities, o minério responde pela maior parte dos lucros da companhia.

A BHP afirmou que um possível acordo com a Woodside incluiria uma distribuição de ações da Woodside a seus acionistas. "Embora as discussões entre as partes estejam progredindo, nenhum acordo foi fechado em nenhuma transação", disse a BHP.

A Woodside, que tem valor de mercado próximo a US$ 15,5 bilhões, confirmou separadamente que está em negociações com a BHP.
Para ver esta notícia sem o delay assine o Broadcast+ e veja todos os conteúdos em tempo real.

Copyright © 2022 - Todos os direitos reservados para o Grupo Estado.

As notícias e cotações deste site possuem delay de 15 minutos.
Termos de uso
Siga nossas redes: